O doce vilão!

 

O açúcar de mesa, aquele que acrescentamos na comida, é chamado de sacarose. No entanto, há outros que não vemos, como os carboidratos – pães e massas em geral.

chocolate-acucar

 

O carboidrato é mais difícil de contabilizar, por isso, é bom evitar alimentos açucarados. A massa da bisnaguinha, por exemplo, é um carboidrato que vira açúcar no corpo e esse carboidrato é refinado e, no processo, perde as fibras para ficar mais leve e solúvel. Por isso, prefira carboidratos integrais, que têm uma digestão mais lenta, por causa das fibras, e aumentam a sensação de saciedade.

Mas não são só as bisnaguinhas e os doces os vilões das dietas infantis. Uma pesquisa da Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Proteste) coletou 95 alimentos industrializados, a maioria consumida com frequência por crianças, e constatou que apenas seis tinham um nível baixo de açúcar.

Entre eles, as gelatinas de morango, mas que, por outro lado, têm edulcorantes, o que significa um alto nível de sódio. Bolos, cereais, achocolatados, queijos, farinha láctea, refrigerantes e até sucos de caixinha devem ser consumidos com moderação ou até evitados.

 

Deixe seu comentário.